Calções de banho com rede: o perigo de verão!

Hoje escrevo sobre outro assunto importante do qual pouco se fala: o perigo dos calções de banho de menino com rede interior.

Já tinha falado sobre esse assunto no meu blog pessoal há cerca um ano atras, mas penso que o assunto é de tal forma importante e desconhecido que merecia igualmente um post aqui, no blog da Amamenta France!

Na verdade, os calções de banho de menino com rede no interior representam um perigo que poucos conhecem, e embora os acidentes sejam relativamente raros, acontecem!

Quando trabalhava no serviço de urgências pediatricas, recebi um menino de cerca de 6 anos que nem sequer conseguia andar.

O problema dele: o seu pénis – mais propriamente a glande – estava “colada” na rede dos calções, e um dos testiculos tinha passado a rede e estava completamente “garrotado” dentro do buraco minúsculo da rede.

Houve também o caso de um menino sobre o qual se falou nas redes sociais há uns tempos atrás.

Além das dores insuportaveis, a situação pode deixar sequelas nas vias urinárias e não é simples de resolver: é necessária uma intervenção com anestesia geral.

Embora raros, este tipo de acidentes pode ter graves consequências!

A verdade é que o meu mais velho também já teve uns calções de banho assim e quase sempre, à chegada da praia ou da piscina ele queixava-se na altura de tirar os calções, e a glande tinha sempre um aspecto macerado, mas eu atribuia o problema ao sal do mar ou no cloro da piscina, mas nunca, até ter tido este caso na urgência, me passou pela cabeça que o problema viesse mesmo dos calções de banho!

Desconheço ainda o mecanismo pelo qual isto acontece, mas na maior parte das vezes a criança não se apercebe de nada até ao momento de despir os calções.

Por isso, deixo aqui a chamada de atenção para as mães e pais de meninos: caso tenham calções de banho com rede, cortem a rede ou vistam umas cuecas por baixo do calção para evitar este tipo de complicações.

Amamenta France, existimos para informar

By Cátia Godinho

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *